Aprilia MX 50 User Manual 07-2002

Size:
8.48 Mb
Download

MX50-P02.FMPage 0 Tuesday, July 30, 2002 2:36 PM

MX50-P02.FMPage 1 Tuesday, July 30, 2002 2:36 PM

SOMENTE PARA A VERSÃO CATALÍTICA

UTILIZAR EXCLUSIVAMENTE GASOLINA SEM CHUMBO SEGUNDO DIN 51607, MÍNIMO OTÁNICO 95 (N.O.R.M.) E 85 (N.O.M.M.) E UM ÓLEO SINTÉTICO PARA MOTORES DE 2 TEMPOS DE ALTÍSSIMOS RENDIMENTOS.

A UTILIZAÇÃO DE CARBURANTES OU LUBRIFICANTES DIFERENTES DOS PRESCRITOS PROVOCA GRAVES INCONVENIENTES FUNCIONAIS NO VEÍCULO E A ANULAÇÃO DA GARANTIA aprilia.

SOMENTE PARA A VERSÃO CATALÍTICA

Para o correcto e duradouro funcionamento do catalisador, e para tornar mínimos os possíveis problemas de sujidade do grupo térmico e da descarga, evitar de percorrer longos trajectos com regime de rotação do motor constantemente muito baixo.

Será suficiente para isso alternar a esses períodos um regime de rotação um pouco mais elevado, até durante uns segundos, desde que com uma certa frequência.

O acima referido tem especial importância a cada arranque a frio do motor e nesse caso, para poder alcançar um regime de rotação tal de permitir o “engate” da reacção catalítica, será suficiente certifi- car-sede que a temperatura do grupo térmico tenha alcançado ao menos os 50°C; isso geralmente severifica-sepoucos segundos depois do arranque.

1

MX50-P02.FMPage 2 Tuesday, July 30, 2002 2:36 PM

SILENCIADOR CATALÍTICO

MX50 versão catalítica está provido de um silenciador com catalisador metálico de tipo "bivalente de platina-ródio".

Esse dispositivo tem a função de oxidar o CO (óxido de carbono) e os HC (hidrocarbonetos incombustos) presentes no gás de escape, convertendo-osrespectivamente em anidrido carbónico e vapor de água.

Além disso, a elevada temperatura atingida pelos gases de escape, por efeito da reacção catalítica, também permite queimar as partículas de óleo, dessa maneira mantendo limpo o silenciador e eliminando a fumosidade do escape.

Evitar de estacionar o veículo versão catalítica em proximidade de matas secas ou em lugares acessíveis às crianças, pois a marmita catalítica atinge durante o uso temperaturas muito elevadas; prestar portanto a máxima atenção e evitar qualquer tipo de contacto antes do seu arre-

fecimento completo.

2

MX50-P02.FMPage 3 Tuesday, July 30, 2002 2:36 PM

Primeira edição: abril de 2002

Reedição: maio de 2002, agosto de 2002

Produzido e impresso por:

DECA s.n.c.

Via Risorgimento, 23/1 - Lugo (RA) - Itália

Tel. +39 - 0545 35235

Fax +39 - 0545 32844

E-mail:deca@decaweb.it

www.decaweb.it

por conta de: aprilia s.p.a.

via G. Galilei, 1 - 30033 Noale (VE) - Itália Tel. +39 - 041 58 29 111

Fax +39 - 041 44 10 54 www.aprilia.com

Neste livreto, estão contidos todos os dados principais e as instruções necessárias para as operações de uso e de manutenção da veículo. Para as operações de controlo e de revisão não facilmente executáveis com as ferramentas normais fornecidas, aconselhamos a dirigir-seaos nossos Concessionários, os quais garantem um serviço cuidadoso e rápido. Para conservar a vosso veículoaprilia em perfeito estado de eficiência, recomendamos que sempre exija peças de reposição originais e que se dirija, para as reparações, exclusivamente aos Revendedores e Concessionários Autorizadosaprilia.

Ao pedir peças de reposição no vosso Concessionário, indique o código das peças, o qual está pontilhado num decalque colocado em baixo do selim.

Aconselhamos a escrever a sigla de identificação no espaço reservado neste livreto para que possa recordá-lamesmo em caso de perda do decalque de identificação.

Os dados são indicativos e são sujeitos a modificações sem aviso prévio.

3

MX50-P02.FMPage 4 Tuesday, July 30, 2002 2:36 PM

Observar cuidadosamente as advertências precedidas pelos seguintes símbolos:

Normas e medidas de segurança que protegem o condutor e outras pessoas de lesões ou riscos graves.

Indicações e medidas de prudência para evitar prejuízos ao veículo e/ou lesões pessoais.

Indicações para tornar mais fácil o cumprimento das operações. Informações técnicas.

versão com acensão automática das luzes

(Automatic Switch-onDevice)versão catalítica

VERSÃO:

 

 

Itália

Holanda

Croácia

Reino Unido Suíça

Ãustrália

Áustria

Dinamarca

Estados Uni-

 

 

dos de América

Portugal

Japão

Brasil

Finlândia

Singapura

República da

 

 

Africa do Sul

Bélgica

Eslovénia

Nova Zelândia

Alemanha

Israel

Canadá

França

Coreia do Sul

 

Espanha

Malásia

 

Grécia

Chile

 

4

INDICE

 

 

Pág.

Características técnicas ...........................................

5

Dados de identificação.............................................

8

Disposição dos comandos .......................................

9

Normas para o uso.................................................

12

Manutenção ...........................................................

15

Instalação eléctrica ................................................

34

Limpeza do veículo ................................................

39

Longa inactividade do veículo................................

39

Tabela dos lubrificantes .........................................

41

Ficha de manutenção periódica .............................

42

Importadores ..........................................................

44

Esquema eléctrico..................................................

50

MX50-P02.FMPage 5 Tuesday, July 30, 2002 2:36 PM

CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

MOTOR

Modelo ................................................................

 

AM6

Tipo ................................

 

Monocilíndrico de 2 tempos

 

 

com admissão lamelar

Arrefecimento......

por líquido com circulação forçada

Lubrificação.................................................

 

separada

Diâmetro interior curso...................

40,3 mm / 39 mm

Cilindrada ..................................................

 

49,75 cm3

Relação de compressão ...................................

12 : 1

ARRANQUE

Pedal (Kick-starter)

EMBRAIAGEM

Por discos múltiplos de liga leve em banho de óleo

CAIXA DE MUDANÇAS

Engates frontais 6 velocidades

TRANSMISSÃO

Primária.............. engrenagens de dentes helicoidais Relação 3,55 (Z=20/71)

Secundária.de corrente 1/2"x3,16" = rolo Ø 7,75 mm Relação: 4,25 (Z=11/51)

CARBURADOR

 

 

Modelo .................................................

Dell’Orto SHA

Difusor....................................................

Ø 12-14mm

FILTRO DE AR

 

 

De esponja

 

 

IGNIÇÃO

 

 

Tipo ...........................................................

electrónica

Adiantamento............

1,5 mm correspondentes a 20°

 

antes do P.M.S.

Vela......................................................

NGK BR9 ES

ALIMENTACION

 

 

Rodagem (500 km) .................

gasolina sem chumbo

 

DIN 51607

 

mínimo de oct. 95 (N.O.R.M.)

 

e 85 (N.O.M.M.)

Depois da rodagem.................

gasolina sem chumbo

 

DIN 51607

 

mínimo de oct. 95 (N.O.R.M.)

 

e 85 (N.O.M.M.)

Capacidade reservatório carburante...................

9,5 l

Reserva (com accionamento mecânico).............

1,5 l

Capacidade reservatório óleo misturador ...........

1,3 l

Reserva (com indicador luminoso no painel)......

0,5 l

 

 

5

MX50-P02.FMPage 6 Tuesday, July 30, 2002 2:36 PM

LUBRIFICAÇÃO

Caixa de mudanças

820 cm3 de óleo (*)

e transmissão primária................

ARREFECIMENTO

Capacidade do circuito

0,9 l (*)

de arrefecimento ...........................................

(60% anticongelante + 40% água)

Temperatura mínima de exercício ....................

-17°C

CHASSI

Estrutura monotrave de resistência elevada, desdobrado por cima da descarga.

FORQUETA TRASEIRA

Em aço de perfil rectangular montada em buchas anti-fricção.

SUSPENSÃO

Dianteira................................

forqueta tele-hidráulica

de hastes viradas aprilia de perno avançado,

hastes Ø 35 amplitude 250 mm

Traseira ..........................

aprilia Progressive System

monoamortecedor hidráulico ajustável

Amplitude roda de trás ..................................

260 mm

(*) ver “TABELA DOS LUBRIFICANTES”

6

TRAVÕES

Dianteiro

......................................de disco Ø 230 mm

 

com comando hidráulico de pinça flutuante

 

de dois pistões paralelos Ø 25 mm

Traseiro .......................................

de disco Ø 220 mm

 

com comando hidráulico de pinça fixa

 

de dois pistões contrapostos Ø 28 mm

PNEUMATICOS

Dianteiro.................................................

100/80 x 17"

Traseiro ..................................................

130/70 x 17"

AROS

Dianteiro.....................................................

17 x 2,50"

Traseiro ......................................................

17 x 3,00"

DIMENSÕES

Comprimento máx.......................................

2060 mm

Distância entre os eixos

 

(centro do furo oval) ....................................

1360 mm

Largura guiador.............................................

780 mm

Altura máx do piso ......................................

1350 mm

Altura do selim do piso..................................

865 mm

Altura dos estrados do piso...........................

355 mm

MX50-P02.FMPage 7 Tuesday, July 30, 2002 2:36 PM

PRESSÃO DOS PNEUS

Tipo de estrada

Condutor só

Dianteiro

Traseiro

 

Estrada mista

1,8 bar

1,9 bar

 

 

 

Estrada asfaltada

1,8 bar

1,9 bar

 

 

 

 

 

 

Tipo de estrada

Condutor + Passagero

Dianteiro

Traseiro

 

Estrada asfaltada

1,8 bar

2,1 bar

 

 

 

Pressão máxima dianteira e traseira: 2,5 bar

Uma pressão demasiado baixa comporta uma condução imprecisa, tendência a oscilações e, em casos extremos, dificuldade para manter a trajectória; para além disso, ha-

verá um grande aumento do atrito de rolamento.

As consequências são: elevado consumo de carburante e velocidade máxima reduzida.

O inconveniente pode provocar avarias na cobertura devido à excessiva deformação local.

Deve-semedir a pressão dos pneumáticos quando estes estiverem à temperatura ambiente, ou seja quando a mota não tiver per-

corrido, nas últimas 2 ou 3 horas, mais do que 1 km.

Meça com frequência a profundidade da banda de rodagem e se esta se mostrar mais consumida do que o limite permitido

(2-3mm), substitua o pneumático.

Examine o pneumático com frequência e verifique se não existem rupturas ou cortes.

Os inchaços e as ondulações irregulares denotam avarias internas que exigem a substituição imediata do pneumático.

7

MX50-P02.FMPage 8 Tuesday, July 30, 2002 2:36 PM

Fig. 1

Fig. 2

8

DADOS DE IDENTIFICAÇÃO

É boa norma indicar os números do chassi e do motor no espaço especial reservado neste livrete.

O número do chassi pode ser utilizado para a compra de peças de substituição.

A alteração dos números de identificação pode causar graves sanções penais e administrativas, em particular a alteração do número do chassi comporta a imediata anulação da

garantia.

NÚMERO DO CHASSI (Fig. 1)

O número do chassi estão gravado no lado direito da barra de direcção.

Chassi n°

NÚMERO DO MOTOR (Fig. 2)

O número do motor está gravado no espaço reservado por cima do carter do pinhão.

Motor n°